Pesquisar este blog

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Amapá poderá solicitar testes rápidos de dengue e chikungunya. Procedimento foi incluído na lista do SUS


O deputado Pedro DaLua (PSC) protocolou requerimento nesta quarta-feira, 16, requerendo a Secretaria de Estado da Saúde que solicite ao Ministério da Saúde testes rápidos para a detecção de dengue e chikungunya. No último dia 10 de agosto o Sistema Único de Saúde incluiu em sua lista de procedimentos os testes rápidos.

Além disso, o Ministério da Saúde fez o investimento de R$ 76 milhões, adquirindo 2 milhões de testes rápidos de dengue e 1 milhão de testes de chikungunya. Os gestores locais deverão solicitar os produtos à pasta, que repassa de acordo com o número de casos notificados.

Os estados de Ceará, Amazonas, Roraima, Piauí, Bahia, Minas Gerais e Goiás já solicitaram. O Amapá ainda não. Ainda estão disponíveis para distribuição 1,9 milhão unidades para a dengue e 967,5 mil para chikungunya.

Com o teste, não será necessário utilizar a estrutura laboratorial - o que diminui os custos com a detecção. Ainda, a comprovação da infecção sai entre 20 e 30 minutos. Os testes rápidos são importantes tanto para a detecção e tratamento precoce, quanto para a vigilância epidemiológica e os dados do governo, já que, com ele, será possível ter maior acuidade sobre a circulação dos vírus no País.

Em 2016 a Coordenadoria de Vigilância em Saúde do Amapá (CVS) revelou que 2.254 casos de dengue foram notificados em Macapá, sendo 828 confirmados. O levantamento que inclui outras duas doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti apontou também a notificação de 912 casos de chikungunya, com a confirmação de 102 registros. Em relação ao zika virus, a capital notificou 961 casos, com 388 confirmados pela coordenadoria.

Em 2015, o Amapá registrou durante todo o ano 2.932 infectados com a dengue, além de 951 com chikungunya. Nenhum caso foi registrado de zika vírus.

AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto e fotos: Gabinete do Pedro Dalua
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Requerimento de Luciana Gurgel cria o Projeto Jovem Descolado de capacitação para jovens



Uma iniciativa do mandato da deputada estadual Luciana Gurgel (PMB)criou através do requerimento 1566/17, o Programa Jovem Descolado, que visa capacitar jovens gratuitamente, preparar para o mercado de trabalho e despertar o espírito empreendedor.

 O "jovem Descolado" é desenvolvido em parceria com Governo do Estado através da Secretaria do Trabalho e Empreendedorismo e SEBRAE Amapá, este, responsável pelos cursos. O projeto assiste 300 jovens com idade entre 16 e 24 anos que terão a oportunidade de se qualificar.


Para a autora do requerimento, a capacitação vai possibilitar que o empreendedorismo chegue aos jovens e vai contribuir para desenvolver, principalmente, onde a informalidade é muito grande. "Nós acreditamos muito na força da juventude e na sua inteligência para criar uma nova realidade, que fuja da ociosidade. Os nossos jovens querem uma oportunidade, prova disso foi a grande procura à época das inscrições para o curso. As vagas esgotaram em apenas quatro dias", disse Gurgel.

A capacitação está dividida em três (3) módulos. Módulo I – Capacitação Comportamental, Módulo II – Capacitação Empreendedora e Módulo III – Capacitação de Técnicas Comportamentais. As aulas serão ministradas no período de agosto a outubro, pela manhã das 8h às 12h, e à tarde das 14h às 18h.

ASCOM Deputada Luciana Gurgel – PMB
Texto: Ediana Franklin

Assembleia Legislativa do Amapá faz homenagem ao Dia dos Pais

A Assembleia Legislativa do Amapá (Alap), realizou na manhã desta terça-feira (15), uma cerimônia para homenagear todos os pais servidores da Casa de Leis. Falando em nome do presidente da Alap, deputado Kaká Barbosa (Avante), a deputada Roseli Matos (PP), agradeceu a todos os presentes e declarou: "nós sabemos como é importante o papel de um pai na família e de como cada um trabalha aqui dentro, para dar o melhor aos seus familiares".



Ao fazer uso da palavra o deputado Jory Oeiras (PRB), homenageou seu pai Raimundo Oeiras, 78 anos e pai de sete filhos. "Meu pai é meu maior exemplo, e eu busco esse mesmo exemplo, para conduzir meus filhos a terem uma vida com retidão e respeito às pessoas. A valorização da família por seus membros é fundamental, já que a falta de estrutura familiar acarreta diversos problemas. A família é a base de tudo, e o pai e a mãe, são os esteios dela", destacou Jory Oeiras.


Lourival Pinheiro Borges, com 25 anos de serviços prestados à Alap, falou em nome dos demais servidores, e alertou os pais quanto a vigilância nesse momento da vida em que vivemos, cercados de armadilhas, voltadas para desviar os jovens da conduta moral familiar e, agradeceu ao presidente Kaká Barbosa pela homenagem.





Também com mais de duas décadas de serviços na Casa, o servidor Jorge Fonseca Guimarães, foi escolhido o pai mais velho da casa. "No meio de família não existe um pai ou uma mãe, mas os pais. A educação dos nossos filhos depende do casal e é importante comemorarmos essas datas para homenagear as pessoas que constroem o futuro de nossas crianças", afirmou.





O presidente Kaká Barbosa, ressaltou a importância de valorizar datas importantes como essa. Para ele, essa atitude trás a certeza de reconhecimento pela instituição de seus servidores.

"Não poderíamos nunca deixar passar em branco uma data tão importante como essa. E quero desejar a todos os pais que contribuem com seu suor, para o desenvolvimento das atividades  desta Casa de Leis, muitas felicidades", concluiu.

O sorteio de vários brindes, marcou o encerramento da festa, o primeiro numero saiu para o servidor Evilázio, que atua no departamento de áudio e vídeo da Alap.


Prestigiaram também o evento, além da primeira vice-presidente, deputada Roseli Matos e o deputado Jory Oeiras, os deputados, Paulo Lemos e Raimunda Beirão.

AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Everlando Mathias
Foto: Jaciguara Cruz
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Assembleia Legislativa promove seminário para profissionais de comunicação social

A Escola do Legislativo do Amapá (ESLEG) realizará nos dias 17 e 18 de agosto no auditório do Tribunal de Contas do Estado, o Seminário de Comunicação Pública e Cidadania para a equipe de comunicação da Assembleia Legislativa (ALAP), e para profissionais de imprensa de outros órgãos públicos.
Para a vice-presidente da ALAP e presidente da ESLEG, deputada Roseli Matos (PP), trata-se de uma oportunidade ímpar para fomentar o conhecimento aos colaboradores da comunicação e, com isso, aprimorar os serviços promovidos pelo Poder Legislativo.

“A Escola do Legislativo, a Rádio, Televisão e Agência de Notícias, são importantes instrumentos que aumentam a transparência do nosso trabalho e auxiliam na formação de nossos colaboradores. O seminário será uma excelente oportunidade para que os nossos servidores possam melhorar cada vez mais seus serviços”, ressaltou a deputada.
 
O seminário será ministrado pelos jornalistas Leandro Mazzini, pós-graduado em ciência política pela UNB e, Walmor Parente, graduado em jornalismo pela UniCeub e repórter nos bastidores de Brasília.

Durante os dois dias de seminário, serão ministrados temas como: assessoria de imprensa; comunicação interna, organizacional e pública; ética jornalística; jornalismo digital; radiojornalismo e demais conceitos que abrangem a comunicação social. 



Assembleia Serviço:
17/08 – Quinta-feira das 10h00 às 12h00 e das 15h00 às 17h00
18/08 – Sexta-feira das 09h00 às 12h00
Local: Auditório do anexo do Tribunal de Contas do Estado
Av. Mendonça Furtado, nº 632, entre Ordilado Silva e Eliezer Levi, Bairro Central.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Bruna Tavares
Fotos: Divulgação
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Luciana Gurgel acompanha Secretário de Infraestrutura em visita ao CTA da Zona Sul

A deputada Luciana Gurgel acompanhada do Secretário de Infraestrutura do Estado, João Henrique Pimentel, visitou o Centro do Trabalhador Autônomo (CTA), para confirmar junto a coordenação e servidores da instituição o início da obra de revitalização do espaço. A deputada através do requerimento 2334/17 e articulação política junto ao Governador do Estado solicitou a reforma do local, depois de saber da necessidade de adequação das instalações para melhor atender os profissionais e trabalhadores do mercado informal que são atendidos no centro.

"O governador Waldez sempre foi muito sensível as causas que envolvem os empreendedores informais e quando conversamos sobre a reforma do CTA ele imediatamente declarou apoio ao projeto de revitalização por entender a importância do centro dando prioridade para a reforma", declarou a deputada.

O Centro do Trabalhador Autônomo intermedia serviços rápidos e desenvolve sistematicamente um trabalho de orientação aos trabalhadores do mercado informal. O secretário João Henrique informou que o centro reformado será entregue a comunidade em dezembro deste ano e que serão feitos reparos na rede elétrica e hidráulica, nos banheiros, salas de aula, refeitório e pintura do prédio. Jão Henrique também destacou o trabalho da deputada em prol das categorias que contribuem com o aquecimento da economia local através do empreendedorismo.

"A deputada Luciana levanta uma bandeira que muito tem somado com o desenvolvimento do estado no setor serviços e qualificação profissional e essa boa relação política com o governador Waldez tem reforçado essa luta que a cada dia avança e gera resultados".

O coordenador do centro, Antonio Carlos Favacho, agradeceu o empenho da deputada em favor da reforma do prédio. "Nós procuramos a deputada e passamos essa demanda e ela prontamente atendeu nosso pedido e buscou a solução. Estamos muito satisfeitos com a sua atuação parlamentar que tem todo o nosso reconhecimento".


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto e fotos: ASCOM - Luciana Gurgel
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

sábado, 12 de agosto de 2017

Deputada Edna Auzier participa de aula inaugural do Projeto de combate à violência contra a mulher na Unifap

A deputada Edna Auzier (PSD), primeira secretária da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado (Alap), representou a Casa de Leis, na noite desta sexta-feira (11), na aula inaugural do projeto "Violência Contra a Mulher táticas e processos de transformação", destinado a qualificar professores da rede pública de ensino e outros segmentos da sociedade civil, promovendo ações de enfrentamento a esse grave problema social.


Trata-se de um curso de extensão universitário, promovido pela Universidade Federal do Amapá (Unifap), com apoio da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República; Ministério Público Estadual; Universidade Estadual da Amapá; e dos movimentos sociais. Inicialmente serão contemplados 240 professores, em quatro módulos, com duração em torno de 4 meses. A intenção é torna-lo permanente da grade de cursos da instituição.


O evento de abertura, ocorrido no auditório do Departamento de Pesquisa da Unifap, contou também com a presença da reitora da instituição, Eliane Superti; da secretária especial de políticas para mulheres da Presidência da República, Fatima Pelaes; da deputada Cristina Almeida (PSB); e da coordenadora do curso de extensão da Unifap, Margarete Guerra.




Segundo a reitora Superti, o curso vai tratar de temáticas relativas ao enfrentamento da violência e ao direito das mulheres. “Nossa intenção é de promover o diálogo com os professores para que, nas salas de aula, eles sejam multiplicadores desse conhecimento”, afirmou.







A deputada Edna Auzier, que tomou posse nessa semana como “Secretária da Mulher” no Parlamento Amazônico, considerou positiva a iniciativa da Unifap em preparar professores para o enfrentamento da violência contra as mulheres. 

“Entendemos que a educação é um dos fatores que contribuem para a conscientização dessas políticas. Muitos casos de violência doméstica ocorrem no fim do relacionamento, quando na maioria das vezes, o companheiro não aceita a separação. Ainda prevalece, infelizmente, a concepção machista de que a mulher é propriedade do homem. A escola tem sim um papel importante nessa conscientização, difundindo as boas práticas”, enfatizou.

O evento teve a participação da deputada Cristina Almeida que proferiu uma breve palestra sobre o tema, “Marco Legislatório da Violência contra as Mulheres”, onde relacionou toda a legislação pertinente a crimes de violência contra as mulheres e, destacou os avanços das políticas públicas de proteção ao gênero.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Paulo Oliveira - Reg. Prof. 572 - DRT - PA
Fotos: Jaciguara Cruz
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Deputados Estaduais do Amapá tomam posse como membros do Parlamento Amazônico



A Assembleia Legislativa do Estado de Roraima foi palco esta semana, da sessão solene que deu posse a nova diretoria e conselho fiscal do Parlamento Amazônico. O deputado Coronel Chagas (PRTB-RR), foi eleito presidente para o biênio 2017-2018. Além do parlamentar de Roraima, também foram eleitos os membros que integram a diretoria, os deputados Lenir Rodrigues (PPS-RR), secretária geral; Gabriel Picanço, tesoureiro; e, Jorge Everton (PMDB-RR), secretário da Comissão de Minas e Energia.

Os deputados Jory Oeiras (PRB-AP), Edna Auzier (PSD-AP) e Cristina Almeida (PSB-AP), assumiram os cargos de terceiro vice-presidente, secretária das mulheres e secretária de direitos humanos, respectivamente.

Para o deputado Jory Oeiras, o novo desafio em sua carreira parlamentar, será de muito trabalho, que terá como meta, não só o desenvolvimento do Amapá, mas sim, de todos os estados que compõem a Região Norte.



"Estou pronto para mais essa missão que a mim foi confiada. Sei que os caminhos a trilhar em busca de soluções para os diversos problemas que hoje assolam os estados nortistas, como sociais, políticos e econômicos, serão tortuosos, mas sei também, que juntos, eu e meus pares de Parlamento Amazônico, podemos sim, conquistar resultados positivos para nossa região. Afinal, as unidades da federação que formam o Parlamento Amazônico, somam um terço dos estados do Brasil, representado por mais de 250 deputados estaduais da Região Norte" enfatizou.

A deputada Cristina Almeida (PSB), que assumiu a titularidade da secretaria de Direitos Humanos, disse que a missão a ser desenvolvida frente a uma pasta tão importante, será árdua, mas não faltará empenho, força de vontade e muito trabalho para o alcance dos objetivos.

"Quando falamos em direitos humanos na Amazônia, estamos falando de um desafio muito grande, pois esses mesmos direitos humanos, não têm sido respeitados ao longo de muitos anos, o que a meu ver, é um problema de todos nós. E quando digo todos nós, estou falando de todos os poderes constituídos. E uma das primeiras providências que vou tomar como secretária de direitos humanos, será realizar uma reunião ampliada com as organizações que hoje atuam na Amazônia Legal, para debatermos o Plano da Amazônia Sustentável. Vamos estar também atentos e de olhos bem abertos a tudo que acontece em nossas áreas de fronteira, onde mulheres, adolescentes e crianças, são violentadas e traficadas todos os dias", pontuou a deputada.
A deputada Edna Auzier (PSD-AP), que assumiu a secretaria da mulher, também ressaltou a importância de ampliar a Educação na Amazônia, com fortalecimento de políticas públicas, construção e reforma de escolas, além de ampliar o acesso ao empreendedorismo, além da criação da Casa da Mulher Brasileira nos Estados com objetivo de acolher às mulheres vítimas de violência doméstica.

"As mulheres nortistas nativas ou, àquelas que vivem na região por algum outro motivo, são as que, segundo pesquisas, sofrem mais agressões e discriminações em relação a outras regiões brasileiras, o que nos leva a ter um foco maior para esse tipo de problema, que já passou do limite do aceitável, e que será contundentemente combatido em nossa gestão. O próximo passo será preparar um relatório para ser apresentado à secretária especial de Política para as Mulheres, Fátima Pelaes, em Brasília, e com isso, procurar apoio para efetivar todas as ações propostas. Além disso, vamos criar uma mala direta para troca de informações entre as parlamentares e a Secretaria dos Direitos Humanos".

Edna defende também a filiação de mais mulheres para a política. "Queremos que ela venha se posicionar, se empoderar, participar ativamente da construção do nosso País, de políticas públicas", defendeu. "Queremos andar lado a lado com os homens para construirmos um país melhor para a sociedade", completou.

O presidente do Parlamento Amazônico, deputado Coronel Chagas, falou de projetos futuros e, sobre a importância da união dos deputados membros para o desenvolvimento da Amazônia.

"Não tenho dúvida de que unidos somos muito mais fortes. Não podemos mais agir de forma isolada, ou seja, somente o legislativo atuando. Temos que buscar apoio de todos os governadores e prefeitos que compõem nossa região, e uma vez consolidada essa parceria, poderemos trabalhar em muitas frentes, aumentando ainda mais o percentual de sucesso em nossas ações", disse o presidente.

Após a cerimônia de posse, foi realizado um ciclo de palestras onde foram debatidos dois temas importantes como, o "Índice de Governança Municipal", que foi conduzido pelo palestrante doutor Rogério Ramos de Souza, diretor de desenvolvimento institucional do Conselho Federal de Administração, e pelo administrador Antônio José Leite de Albuquerque, membro do Conselho Federal de Administração, e sobre a "Regulamentação da Lei dos Free Shops em Cidades Gêmeas de Fronteiras", proferida por Frederico Antunes (PP), deputado estadual pelo Rio Grande do Sul.

Ao final, parlamentares da nova mesa diretora do Parlamento Amazônico, fizeram uma visita institucional ao Palácio Senador Hélio Campos, onde foram recebidos pela governadora do Estado de Roraima, Suely Campos (PP-RR), que ratificou o compromisso do Poder Executivo com o Parlamento Amazônico.




O evento contou com a presença de deputados dos estados que compõem a Amazônia Legal: Amazonas; Acre; Amapá; Roraima; Rondônia;Mato Grosso; Pará; Maranhão; e Tocantins.

O próximo encontro do Parlamento Amazônico está marcado para acontecer no dia 21 deste mês, em Brasília (DF).



AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto e fotos: Sérgio Bringel
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Assembleia Legislativa presta auxílio a instituições filantrópicas


A Associação Casa da Hospitalidade e a Associação Nossa Família, instituições de assistência social, localizadas no município de Santana, serão agraciadas com recursos financeiros, concedidos pela Assembleia Legislativa do Estado (Alap), destinados a cobrir despesas de custeio. A primeira receberá um montante de R$ 50.000,00 e, a segunda R$ 42.000,00, divididos em parcelas mensais, até o final do ano.



Os "Termos de Auxílio e Subvenção", que garantem o repasse dos recursos, foram assinados na tarde desta quinta-feira (10), pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Kaká Barbosa (Avante); pela vice-presidente, deputada Roseli Matos (PP) e pelas representantes das duas instituições, irmãs Márcia Avelina de Jesus (Casa da Hospitalidade) e Ângela Lima da Silva (Nossa Família). O vereador de Santana, Jailson Matos (PR), que acompanhou a comitiva, assinou os documentos na condição de testemunha.


As gestoras das duas instituições de assistência social agradeceram ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Kaká Barbosa, pelo que consideram uma importante contribuição à causa humanitária e, afirmaram que os recursos financeiros serão de grande valia no custeio das despesas.

"Vai nos auxiliar no desempenho de nossas funções, no atendimento de nossas crianças" disse a irmã Ângela, da Casa da Hospitalidade.



"É uma importante contribuição da Assembleia Legislativa que mostra o quanto a Casa de Leis se importa com o aspecto social", afirmou a irmã Adriane, psicóloga da Associação Nossa Família.

A primeira vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputada Roseli Matos, parabenizou e agradeceu ao presidente da Casa pela iniciativa que classificou de extrema relevância, válida em momentos de dificuldades.



"Como santanense, agradeço ao presidente Kaká Barbosa que tem a sensibilidade de conceder auxílios financeiros a tão importantes instituições, como a Casa da Hospitalidade, Nossa Família e Lar Betânia que, há décadas, realizam trabalhos importantes na esfera social, beneficiando centenas de pessoas carentes", enfatizou.

O presidente da Alap, deputado Kaká Barbosa, disse estar muito feliz em poder contribuir com causa tão nobre, e prometeu estender a ajuda a outras instituições do Estado.

"São instituições humanitárias que prestam significativo trabalho social. Tanto a Casa da Hospitalidade quanto a Nossa Família, e merecem nossa atenção. Pretendemos estender essa ajuda aos demais municípios amapaenses. Vamos reativar as Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Laranjal do Jari e Oiapoque, fechadas recentemente", garantiu.

A Associação Casa da Hospitalidade atende crianças abandonadas pelos pais; crianças com transtornos mentais e com deficiências físicas. Atualmente, abriga cerca de 80 menores e gera 40 empregos. A Nossa Família atende, prioritariamente, gestantes carentes, com o acompanhamento pré-natal. Hoje tem 738 mães cadastradas e mantêm uma equipe multidisciplinar de 20 profissionais, entre médicos, biomédicos, psicólogos, enfermeiros e assistentes administrativos.

Os Termos de Auxílio e Subvenção, assinados nesta quarta-feira (10), tem validade até o dia 31 de dezembro deste ano, podendo ser renovados no início de 2018, dependendo da prestação de contas que cada instituição deverá apresentar à Assembleia Legislativa do Estado, ao final da vigência dos referidos termos .







AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Paulo Oliveira –DRT 572 – PA
Fotos: Gerson Barbosa
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Deputado Paulo Lemos fala sobre ausência de Moisés Souza à sessão de oitiva no processo de perda de mandato.


 Em entrevista coletiva à imprensa, o presidente da Comissão de Ética (CET) da Assembleia Legislativa do Estado (Alap), deputado Paulo Lemos (Psol), disse não ter, ainda, as informações sobre as razões que impediram o deputado afastado Moisés Souza, de comparecer à sessão de oitiva realizada pela CET na tarde desta quarta-feira (9).

"O deputado Moisés Souza não está obrigado a comparecer à esta sessão. Isso é um direito do parlamentar no exercício de sua defesa. Se ele abdicou desse direito ou foi impedido por outra razão, é o que ainda vamos verificar. Afinal, foram tomadas todas as medidas necessárias, inclusive formalizado à Vara de Execuções Penais que controla toda a movimentação do parlamentar", disse Lemos.

Segundo o presidente da CET, somente depois de informado sobre a verdadeira razão da ausência, a Comissão de Ética irá deliberar sobre o próximo passo a ser tomado no processo de perda de mandato de Moisés Souza, acusado de quebra de decoro parlamentar e gestão temerária.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Paulo Oliveira
Fotos: Gerson Barbosa
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Deputada Telma Gurgel acompanha assinatura de convênios e contrapartidas entre GEA e prefeituras para obras urbanísticas


A deputada Telma Gurgel, cumpriu agenda no fim de semana nos municípios de Tartarugalzinho, Pracuúba, Calçoene e Amapá. Como membro da Comissão de Turismo do Poder Legislativo, acompanhou de perto o governador Waldez Góes e equipe técnica, durante a assinatura de convênios que auxiliarão os municípios do Estado em ações e obras urbanísticas. Os investimentos somam R$ 2,7 milhões, repassados por meio de convênios, firmados diretamente com a Secretaria das Cidades.

Os primeiros municípios beneficiados foram Tartarugalzinho, Pracuúba, Amapá e Calçoene. Os convênios foram assinados pelo governador Waldez Góes e prefeitos, cujo os serviços acordados serão executados pelas prefeituras, que terão um prazo de 120 dias, a partir da assinatura do convênio, para finalizar as atividades.

Em Tartarugalzinho, os repasses foram na ordem de recursos de R$ 227 mil para limpeza urbana e R$ 230 mil para contrapartidas exigidas na captação de investimentos federais, principalmente através de emendas parlamentares. O recurso vai auxiliar a prefeitura em obras de saneamento, implantação de sistema de água, construção de escolas, praça no município, pavimentação de vias com bloquetes e obras na Câmara de Vereadores.

A deputada Telma Gurgel, que já esteve várias vezes na região a fim de ouvir as demandas dos moradores e intermediar por maiores investimentos em vários setores, como o turismo local, saudou a iniciativa do Governo. "É dever do Legislativo acompanhar o que vem sendo feito nas regiões, e investimentos como estes em serviços básicos, como a limpeza pública, é fundamental para assegurar o bem estar dos moradores", comemorou a deputada, se colocando à disposição da população.

O governador Waldez Góes ressaltou que os recursos ajudarão na aquisição de equipamentos como roçadeiras e serviços de manutenção de máquinas usadas na limpeza pública. De acordo com as regras dos convênios, os serviços acordados serão executados pelas prefeituras, que terão um prazo de 120 dias, a partir da assinatura do convênio, para finalizar as atividades de limpeza urbana.

O Governo também deve auxiliar na manutenção de ramais importantes para o escoamento da produção agrícola e de pescado, mas aguarda a liberação de recursos do Ministério da Integração Nacional para a pavimentação de ruas e estradas nos 16 municípios do Estado.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Andreza Sanches
Fotos: Celiane Freitas
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Esleg e Unifap firmam parcerias na área de extensão de ensino



Um Termo de Cooperação Técnica, a ser assinado entre a Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa do Amapá e a Universidade Federal do Amapá (Unifap) vai permitir a parceria entre as duas instituições de ensino visando a promoção de cursos de extensão universitária. Inicialmente, os cursos serão destinados a servidores dos legislativos estadual e municipais e, posteriormente, poderá ser aberto à comunidade amapaense.

Os entendimentos iniciais para a concretização dessa parceria foram definidos durante reunião entre a presidente da Esleg, deputada Roseli Matos e a reitora da Unifap, professora Eliane Superti, realizada na tarde desta terça-feira (8), na sede reitoria, da qual também participaram a diretora da Escola do Legislativo, Wilca Costa e o assessor institucional Elpídio Amanajás, responsável pelas articulações junto às instituições de ensino superior de todo o país.

Para a reitora Eliane Superti, a parceria representa a soma de esforços no sentido de aprimorar o ensino. "Tenho certeza que esta parceria pode frutificar bons resultados. A Universidade tem como um de seus objetivos fazer extensão. Somar esse esforço com a Escola do Legislativo é importante, tanto para formar as lideranças como para trazer, também, aquilo que a Unifap produz de melhor, que é o seu conhecimento, principalmente vinculado a alguns cursos que são muito próximos, como Direito, Administração Pública e Ciências Sociais, que podem, de fato, dar uma grande contribuição, que no final, significa somar esforços", definiu.

A presidente da Escola do Legislativo, deputada Roseli Matos, celebrou o acordo com o início de um novo tempo. "Acredito muito na Unifap e sei que haverá uma intensa troca de colaboração entre as duas instituições. Este Termo de Cooperação será apenas o início de uma série de eventos e de grandes momentos, tanto para a Esleg quanto para a Unifap", enfatizou.






AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - ALAP
Texto: Paulo Oliveira
Fotos: Gerson Barbosa
Portal: al.ap.gov.br
Blog: casadeleis.blogspot.com
Twitter: @assembleia_ap
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
Flickr: noticias assembleia
Tv Assembleia: Canal - 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Amapá poderá solicitar testes rápidos de dengue e chikungunya. Procedimento foi incluído na lista do SUS

O deputado Pedro DaLua (PSC) protocolou requerimento nesta quarta-feira, 16, requerendo a Secretaria de Estado da Saúde que solicite ao...