Pesquisar este blog

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Concursos da Marinha do Brasil serão realizados também no Amapá

A partir de 2018, todos os concursos para ingresso na Marinha do Brasil, sejam para os quadros permanente, temporário, complementar ou de saúde, terão suas provas também no Amapá. O anúncio foi feito ao presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Kaká Barbosa (Avante), pelo vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, durante almoço de confraternização, promovido pela Sociedade Amigos da Marinha (Soamar) – Amapá, nesta terça-feira (31), em Macapá, em homenagem ao militar que acaba de assumir o Comando do Quarto Distrito Naval, com sede em Belém (PA) e jurisdição também nos estados do Amapá, Piauí e Maranhão.

Em viagem de apresentação aos estados sob o seu comando, o vice-almirante elogiou a evolução do Amapá que não visitava há 33 anos. "É importante o comandante militar de área visitar os estados. Essa é a oportunidade que estou tendo de voltar aqui. A última vez que estive no Amapá eu era segundo tenente, quando servia em Belém, em 1984. Hoje vejo um estado muito mais pujante, bastante desenvolvido. Estou aqui, representando a Marinha, e minha missão é ajudar o Amapá na segurança de navegação, parte portuária, enfim, tudo o que tem a ver com a marinha", declarou.

Edervaldo, que está fazendo contatos com autoridades no estado, acredita que a realização de provas em Macapá facilitará a vida dos amapaenses que pretendem servir à Marinha. "Estou dando uma notícia em primeira mão. Os jovens amapaenses, formados ou mesmo os que ainda estejam no ensino fundamental, a partir do ano que vem, terão oportunidade de fazer os concursos aqui no Amapá para ingressar na Marinha, em Belém ou em qualquer lugar do Brasil. Espero que isso seja um estímulo para que mais amapaenses ingressem na armada, pois não precisarão se deslocar a Belém para prestar os exames", ponderou.

Para o presidente da Assembleia Legislativa, participar do evento reflete o clima de harmonia institucional que existe no estado. "É com grande satisfação que participo desse almoço, em homenagem ao vice-almirante Edervaldo, que assume o comando do Quarto Distrito Naval em Belém e vem ao Amapá, que é um dos quatro estados sob o seu comando, fazer sua apresentação. Também estão aqui o presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador Carlos Tork; o prefeito Clécio Luís; promotores de Justiça, representando o Ministério Público; integrantes da Marinha, do Exército e da Polícia Militar. Quem ganha com isso é a sociedade, em saber que a Marinha se preocupa com o nosso estado, inclusive, estendendo a Macapá a realização das provas de seus concursos, facilitando a vida de nossos jovens, que não precisarão mais se deslocar a Belém para ingressar nessa força", enfatizou.

Para o presidente da Soamar, empresário Glauco Cei, a vinda do comandante do Quarto Distrito Naval é um acontecimento que merece comemoração. "A Marinha tem papel importante em nossa região. O Amapá tem uma rede fluvial muito grande, e a marinha, além de cuidar da segurança da navegação fluvial, ainda presta serviço social e de saúde à imensa população ribeirinha, por isso merece toda a nossa consideração", concluiu.


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - Alap
Texto: Paulo Oliveira - Reg. Prof. 572 - DRT/PA
Fotos: Michael Anderson
Portal: al.ap.gov.br
Blogger: casadeleis.blogspot.com
Facebook: Assembleia Legislativa do Amapá
Instagram: assembleia_noticias
TV Assembleia: 57.2
Rádio Assembleia: 93.9 FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deputada Marilia articula projeto de práticas restaurativas nas escolas da rede pública

Para contribuir com o processo de resolução de conflitos nas escolas, órgãos públicos do estado trabalham em conjunto no desenvolvimento ...