Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de março de 2017

Mulheres serão público-alvo de seminário sobre Empreendedorismo


Incentivar mulheres a empreenderem e expandirem seus negócios. Esse é um dos objetivos do 1º Seminário Amapaense de Empreendedorismo Feminino, que será realizado no dia 31 de março, no auditório do Sebrae, a partir das 8h. O evento é uma iniciativa da Frente Parlamentar em Defesa do Empreendedorismo, Cooperativismo e Economia Solidária (Fecesap) e da Agência de Fomento do Amapá (Afap).
O Seminário é uma ação que integra um grande projeto de empoderamento das mulheres, com perspectiva para o desenvolvimento da economia e foco na valorização da figura feminina, que empreende ou deseja empreender. “As mulheres empreendem naturalmente no dia a dia. Queremos com o seminário possibilitar que elas tenham acesso aos meios para entrarem ou se consolidarem no mercado”, explicou da deputada estadual e presidente da Fecesap, Marilia Góes.
Para participar, é preciso se inscrever no site www.al.ap.gov.br ou na Assembleia Legislativa do Amapá (Alap). As inscrições iniciaram na quarta-feira, 22, com vagas limitadas. Ao todo, 300 mulheres poderão participar do seminário que terá na programação, painéis, palestras, mesa redonda e um momento cultural com o lançamento da música e da agenda “Maré Mulher”. Uma das palestrantes convidadas é Virna Elias, coach e MBA em Empreendedorismo e Desenvolvimento de negócios.
Dalva Frazão, que trabalha no ramo alimentício, não perdeu tempo e fez a inscrição logo no primeiro dia. “Fiquei sabendo do seminário e fiz a minha inscrição, pois é uma oportunidade para ampliar meus conhecimentos e ter novas oportunidades”, disse a empreendedora.
Além do seminário, a Fecesap atuará em outros projetos de fomento aos segmentos, atuando como uma facilitadora do processo, possibilitando que todos tenham acesso às informações necessárias para montar ou ampliar um negócio.
A Fecesap, instalada pela Resolução nº 0018 e constituída pelas deputadas estaduais Marilia Góes (PDT), Aparecida Salomão (PSD), Edna Auzier (PSD), Janete Tavares (PSC) e o deputado Max da AABB (SD), objetiva atuar no fomento da economia e fortalecimento de projetos desses segmentos.
Antes, a Frente atendia apenas o cooperativismo. Com a inclusão dos novos segmentos, mais projetos e ações poderão ser desenvolvidos atuando no fortalecimento da economia no Amapá.





Gabinete da deputada Marilia Góes
Assessoria de Comunicação
Anne karoline Oliveira dos Santos
Fotos: Ruan Alves

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deputada Marilia articula projeto de práticas restaurativas nas escolas da rede pública

Para contribuir com o processo de resolução de conflitos nas escolas, órgãos públicos do estado trabalham em conjunto no desenvolvimento ...